*

Citação bibliográfica

 

Argel-de-Oliveira, M. M., Curi, N. A. & Passerini, T., 1998.  Alimentação de um filhote de bem-te-vi, Pitangus sulphuratus (Linnaeus, 1766) (Passeriformes: Tyrannidae), em ambiente urbano. Revta bras. Zool., 15 (4): 1103-1109.

 

 

 

 

Alimentação de um filhote de bem-te-vi, Pitangus sulphuratus (Linnaeus, 1766)

(Passeriformes, Tyrannidae) em ambiente urbano

 

Maria Martha Argel-de-Oliveira

Nancy A. Curi

Tatiana Passerini

   

ABSTRACT. Feeding of a fledgling Great Kiskadee (Pitangus sulphuratus) in urban environment. The observation of parents feeding a captive fledgling of Great Kiskadee revealed that visitation is more frequent in the first hour after sunrising, with lesser peaks along the day. The diet supplied consisted mainly of insects (Hymenoptera, Lepidoptera, Coleoptera, Diptera), along with other items as human-made materials (food scraps, pellets of animal food), lizards (Hemidactylus mabouia), non-identified fruit pulp, gastropods and arachnids (Opiliones). The ability that P. sulphuratus has for identifying food items absent from more natural habitats and for exploiting resources of unpredictable spatial and temporal distributions confers the species a dietary flexibility that probably contributes to its efficiency in colonizing urban habitats.

 

Key words. diet, Pitangus sulphuratus, São Paulo, urban environment

 

 

 

 

RESUMO. A observação dos pais alimentando um filhote de bem-te-vi em cativeiro revelou que a visitação é mais freqüente na primeira hora após o nascer do sol, com picos menores ao longo do dia. A dieta fornecida consistiu maiormente de insetos (formigas, mariposas, besouros, moscas), sendo complementada com outros itens como materiais elaborados pelo ser humano (restos de comida, pellets de ração animal), lagartixas (Hemidactylus mabouia), polpa de fruto não identificado, caracóis e aracnídeos (opilião). A habilidade apresentada por P. sulphuratus para identificar itens alimentares ausentes de ambientes mais naturais e para explorar recursos com distribuição imprevisível no tempo e no espaço confere à espécie uma flexibilidade alimentar que possivelmente contribui para sua eficiência em colonizar ambientes urbanos.

 

Palavras-chave. ambiente urbano, dieta, Pitangus sulphuratus, São Paulo

 

 

alto da página

 

   Aves urbanas         Publicações        Bentevi